Complexo Santa Casa

Cemitério São João Batista

Fundado em 1872, o mais antigo cemitério de Fortaleza localiza-se na rua Padre Mororó, no bairro Jacarecanga. Sua administração fica a cargo da Santa Casa de Fortaleza que, por lei provincial de 1860, já era responsável pela gestão do São Casimiro, que o antecedeu.
Vários sepulcros de grande suntuosidade e valor histórico são encontrados no São João Batista. Muitos deles abrigam os restos mortais de importantes personalidades da nossa história, valendo citar, entre tantos outros, os do Brigadeiro Sampaio, herói maior da Guerra da Tríplice Aliança, do Senador Virgílio Távora, do Barão de Studart, Boticário Ferreira, Barão de Aratanha, Juvenal de Carvalho, Cego Aderaldo, Rodolpho Teófilo, Liberato Barroso, Quintino Cunha, Caio Prado.

Com sua grande variedade de estilos, que se misturam com os rituais de dor, saudade e orações, o São João Batista é um espaço de inestimável relevância para a nossa história cultural. Como testemunha material de várias temporalidades, a sua existência não é somente uma fonte para classificação técnica sobre arte ou arquitetura, é cenário de uma infinidade de obras. Sua importância histórica estende-se além do limite físico de seus muros, envolvendo-se intimamente com a história e a evolução da cidade de Fortaleza.

No presente momento a direção do Cemitério, supervisionada pelo Mordomo José Rego Filho, está ultimando a informatização dos serviços administrativos e envidando esforços, juntamente com o setor jurídico da entidade, para diminuir a inadimplência de muitos cessionários. Com certeza em breve teremos decisões favoráveis de nossa Justiça, para retomada dos jazigos que foram abandonados pelos respectivos cessionários. Com a nova locação de jazigos ocorrerá substancial aumento da arrecadação possibilitando o início das reformas, que contemplarão a recomposição da fachada, a melhoria dos arruamentos, elevação dos muros divisórios para maior segurança, melhoria nas salas destinadas a velórios, etc.
Planos mais ambiciosos também serão implementados, dentro das possibilidades, tais como instalação de Crematório e construção de jazigos verticais que ampliarão sua capacidade.
A administração do Cemitério São João Batista mantém um programa de visitas guiadas muito procurado por professores da rede pública, de considerável valor instrutivo para nossos jovens e de grande importância para a preservação da memória coletiva.